Documentário e o Brasil na Segunda Guerra Mundial – o antimilitarismo e o anticomunismo como matrizes sensíveis Ver ampliado

Documentário e o Brasil na Segunda Guerra Mundial – o antimilitarismo e o anticomunismo como matrizes sensíveis

AutorCássio dos Santos Tomaim

ISBN: 978-85-64586-82-6

Formato: 16x23 cm

Paginas: 314

Mais detalhes

R$ 45,00

Documentário e o Brasil na Segunda Guerra Mundial – o antimilitarismo e o anticomunismo como matrizes sensíveis <p><span style="font-family: Garamond, serif; font-size: 10pt;"><strong>Documentário e o Brasil na Segunda Guerra Mundial – o antimilitarismo e o anticomunismo como matrizes sensíveis</strong></span></p> <p><span style="font-family: Garamond, serif; font-size: 10pt;"><strong>Cássio dos Santos Tomaim</strong></span></p> <p class="western" align="justify"><span style="font-size: 10pt;"><span style="font-family: Garamond, serif;">O autor investiga a representação da FEB e dos ex-combatentes brasileiros no cinema documentário contemporâneo dos anos de 1990 e 2000, compreendendo a relação desses filmes com a memória da FEB e da participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial. Em 60 anos de pós-guerra, o cinema brasileiro visitou o passado dos ex-combatentes tendo (res)sentimentos de outros tempos como matéria-prima, ora encarregando-se de desmistificar a memória de uma FEB vitoriosa e heroica por meio da ironia – como artifício narrativo –, ora travando uma luta contra o esquecimento e a denegação. </span><span style="font-family: Garamond, serif;"><em>Documentário e o Brasil na Segunda Guerra Mundial </em></span><span style="font-family: Garamond, serif;">é um livro sobre cinema e história, sobre filmes que nos ensinam que o documentário é um “lugar” onde trincheiras são erguidas para o embate com as memórias e os ressentimentos de outros tantos tempos que não o agora da produção cinematográfica.</span></span></p>
R$ 36,00

Documentário e o Brasil na Segunda Guerra Mundial – o antimilitarismo e o anticomunismo como matrizes sensíveis

Cássio dos Santos Tomaim

O autor investiga a representação da FEB e dos ex-combatentes brasileiros no cinema documentário contemporâneo dos anos de 1990 e 2000, compreendendo a relação desses filmes com a memória da FEB e da participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial. Em 60 anos de pós-guerra, o cinema brasileiro visitou o passado dos ex-combatentes tendo (res)sentimentos de outros tempos como matéria-prima, ora encarregando-se de desmistificar a memória de uma FEB vitoriosa e heroica por meio da ironia – como artifício narrativo –, ora travando uma luta contra o esquecimento e a denegação. Documentário e o Brasil na Segunda Guerra Mundial é um livro sobre cinema e história, sobre filmes que nos ensinam que o documentário é um “lugar” onde trincheiras são erguidas para o embate com as memórias e os ressentimentos de outros tantos tempos que não o agora da produção cinematográfica.

Fale conosco

           Não encontrou o produto           desejado, envie-nos um           e-mail.

Telefone:11-2365-0744

Enviar e-mail

Newsletter

PayPal