Legitimidade e qualidade da democracia no Brasil Ver ampliado

Legitimidade e qualidade da democracia no Brasil

Autores: Lucio R. Rennó, Amy E. Smith, Mattew L. Layton, Frederico Batista Pereira

ISBN: 978-85-64586-05-5

Formato: 16x23 cm

Paginas: 258


Mais detalhes

R$ 35,00

Legitimidade e qualidade da democracia no Brasil <p><strong>Os setes capítulos do livro analisam de forma inovadora esses e outros dilemas enfrentados pela democra­cia no Brasil e outros países latino-americanos. E, com base em um só­lido modelo metodológico de análise dos dados empíricos produzidos pelo programa de estudos de opinião pú­blica da Universidade de Vanderbilt - o LAPOP -, o livro contribui para o conhecimento do modo como os brasileiros veem a democracia, dos graus de sua satisfação com o regi­me e do quanto ele efetivamente representa a diversidade política da sociedade brasileira. A partir de uma abordagem comparativa sólida, que permite aos autores examinarem as diferenças e semelhanças da demo­cracia brasileira em relação a casos como os da Bolívia, Equador e Venezuela - por vezes apontados como exemplos do que alguns autores cha­mam de democracias ´iliberais´ -, o livro explora as percepções públicas sobre o desempenho das instituições democráticas, sobre a relação entre os poderes republicanos e, em especial, sobre os efeitos da corrupção e do cri­me para a avaliação que os cidadãos fazem da democracia. Trata-se de uma contribuição extre­mamente importante para o desen­volvimento da teoria empírica da democracia. (José Álvaro Moisés)</strong></p>
R$ 28,00

Os setes capítulos do livro analisam de forma inovadora esses e outros dilemas enfrentados pela democra­cia no Brasil e outros países latino-americanos. E, com base em um só­lido modelo metodológico de análise dos dados empíricos produzidos pelo programa de estudos de opinião pú­blica da Universidade de Vanderbilt - o LAPOP -, o livro contribui para o conhecimento do modo como os brasileiros veem a democracia, dos graus de sua satisfação com o regi­me e do quanto ele efetivamente representa a diversidade política da sociedade brasileira. A partir de uma abordagem comparativa sólida, que permite aos autores examinarem as diferenças e semelhanças da demo­cracia brasileira em relação a casos como os da Bolívia, Equador e Venezuela - por vezes apontados como exemplos do que alguns autores cha­mam de democracias ´iliberais´ -, o livro explora as percepções públicas sobre o desempenho das instituições democráticas, sobre a relação entre os poderes republicanos e, em especial, sobre os efeitos da corrupção e do cri­me para a avaliação que os cidadãos fazem da democracia. Trata-se de uma contribuição extre­mamente importante para o desen­volvimento da teoria empírica da democracia. (José Álvaro Moisés)

Fale conosco

           Não encontrou o produto           desejado, envie-nos um           e-mail.

Telefone:11-2365-0744

Enviar e-mail

Newsletter

PayPal