American way of life – consumo e estilo de vida no cinema dos anos 1950 Ver ampliado

American way of life – consumo e estilo de vida no cinema dos anos 1950

AutorPaulo Roberto Ferreira da Cunha

ISBN: 978-85-8499-095-5

Mais detalhes

R$ 50,00

American way of life – consumo e estilo de vida no cinema dos anos 1950 <p align="justify"><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span>Como parte significativa da produção cultural e midiática dos Estados Unidos no Século XX ultrapassou suas fronteiras e alcançou o mundo, levando consigo a imagem de um país e de cidadãos exemplares, cuja</span></span></p> <p align="justify"><span style="font-family: 'Myriad Pro', sans-serif;"><span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span>forma de viver deveria ser uma referência? Como o consumo midiático de imagens modelares de um padrão de estilo de vida – denominado como </span></span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span><em>American way of life </em></span></span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span>–, foi representado e disseminado através do</span></span></span></span></p> <p align="justify"><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span>cinema norte-americano nos anos 1950? De que modo os filmes construíram imaginários sobre este modo de viver idealizado, cujas bases ainda estão presentes em diversas produções?</span></span></p> <p align="justify"><span style="font-family: 'Myriad Pro', sans-serif;"><span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span>O maior desafio e o maior encantamento deste livro residem na contemporaneidade e na legitimidade dos estudos comportamentais relacionados ao campo da Comunicação e do Consumo. Um </span></span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span><em>patchwork </em></span></span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span>que transita pelo reconhecimento de espaços de fala, de espaços de exibição e espaços de esperança que são depositados na tela de cinema por pessoas sob a perspectiva de “algo melhor”, de identificação, de projeção, de uma vida que deve e pode ser feliz, pródiga, digna e bela, ainda que apenas ali na sala de cinema.</span></span></span></span></p> <p align="justify"><span style="font-family: 'Myriad Pro', sans-serif;"><span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span>Entender o </span></span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span><em>American way of life </em></span></span><span style="font-family: Garamond, Garamond, serif;"><span>permite refletir a gênese do conceito de midiatização, ou seja, do espaço em que se fortalece e consolida a internacionalização massiva da comunicação, impulsionada pelas tecnologias, cada vez mais presentes e disseminadas. O que, por sua vez, possibilita pensar na construção do valor modal que parte de uma nação como os Estados Unidos ao longo do Século XX e com especial ênfase nos anos 1950.</span></span></span></span></p>
R$ 40,00

Como parte significativa da produção cultural e midiática dos Estados Unidos no Século XX ultrapassou suas fronteiras e alcançou o mundo, levando consigo a imagem de um país e de cidadãos exemplares, cuja

forma de viver deveria ser uma referência? Como o consumo midiático de imagens modelares de um padrão de estilo de vida – denominado como American way of life –, foi representado e disseminado através do

cinema norte-americano nos anos 1950? De que modo os filmes construíram imaginários sobre este modo de viver idealizado, cujas bases ainda estão presentes em diversas produções?

O maior desafio e o maior encantamento deste livro residem na contemporaneidade e na legitimidade dos estudos comportamentais relacionados ao campo da Comunicação e do Consumo. Um patchwork que transita pelo reconhecimento de espaços de fala, de espaços de exibição e espaços de esperança que são depositados na tela de cinema por pessoas sob a perspectiva de “algo melhor”, de identificação, de projeção, de uma vida que deve e pode ser feliz, pródiga, digna e bela, ainda que apenas ali na sala de cinema.

Entender o American way of life permite refletir a gênese do conceito de midiatização, ou seja, do espaço em que se fortalece e consolida a internacionalização massiva da comunicação, impulsionada pelas tecnologias, cada vez mais presentes e disseminadas. O que, por sua vez, possibilita pensar na construção do valor modal que parte de uma nação como os Estados Unidos ao longo do Século XX e com especial ênfase nos anos 1950.

Fale conosco

           Não encontrou o produto           desejado, envie-nos um           e-mail.

Telefone:11-2365-0744

Enviar e-mail

Newsletter

PayPal