Contatos e intercâmbios americanos no IPHAN – o setor de recuperação de obras de arte (1947-1976) Ver ampliado

Contatos e intercâmbios americanos no IPHAN – o setor de recuperação de obras de arte (1947-1976)

AutorMaría Sabina Uribarren

ISBN: 978-85-8499-062-7

Mais detalhes

R$ 60,00

Contatos e intercâmbios americanos no IPHAN – o setor de recuperação de obras de arte (1947-1976) <p class="western" align="justify"><span style="font-family: Garamond, serif;"><span>Este livro se centra na história do Setor de Recuperação de Obras de Arte do IPHAN e na trajetória institucional do seu chefe, o artista plástico Edson Motta – trajetória essa bastante diversificada, uma vez que abrange desde a sua própria formação de restaurador, realizada junto ao prestigioso Museu Fogg, da Universidade de Harvard, passando pela difícil constituição de um setor de conservação de bens móveis e integrados à arquitetura no seio do instituto, até a consolidação do restaurador como autoridade em sua área, atuando em missões de colaboração entre o Brasil e vários países da América Latina.</span></span></p> <p class="western" align="justify"><span style="font-family: Garamond, serif;"><span>O trabalho de María Sabina Uribarren é uma imersão profunda em um mundo de complexas e intensas articulações entre o IPHAN, várias instâncias governamentais brasileiras e inúmeras organizações internacionais, de objetivos variados. Este libro descortina aspectos ainda pouco conhecidos da trajetória do órgão federal brasileiro de preservação. Trata-se, sem qualquer sombra de dúvida, de uma contribuição fundamental e obrigatória para a adequada compreensão da história da preservação no Brasil.</span></span></p> <p class="western"><span style="font-family: Garamond, serif;"><span><strong><span>Maria Lucia Bressan Pinheiro</span></strong></span></span></p>
R$ 48,00

Este livro se centra na história do Setor de Recuperação de Obras de Arte do IPHAN e na trajetória institucional do seu chefe, o artista plástico Edson Motta – trajetória essa bastante diversificada, uma vez que abrange desde a sua própria formação de restaurador, realizada junto ao prestigioso Museu Fogg, da Universidade de Harvard, passando pela difícil constituição de um setor de conservação de bens móveis e integrados à arquitetura no seio do instituto, até a consolidação do restaurador como autoridade em sua área, atuando em missões de colaboração entre o Brasil e vários países da América Latina.

O trabalho de María Sabina Uribarren é uma imersão profunda em um mundo de complexas e intensas articulações entre o IPHAN, várias instâncias governamentais brasileiras e inúmeras organizações internacionais, de objetivos variados. Este libro descortina aspectos ainda pouco conhecidos da trajetória do órgão federal brasileiro de preservação. Trata-se, sem qualquer sombra de dúvida, de uma contribuição fundamental e obrigatória para a adequada compreensão da história da preservação no Brasil.

Maria Lucia Bressan Pinheiro

Fale conosco

           Não encontrou o produto           desejado, envie-nos um           e-mail.

Telefone:11-2365-0744

Enviar e-mail

Newsletter

PayPal